quinta-feira, 2 de junho de 2011

Dias de Zumbi

Maria entrou no seu quarto. Jogou a mochila e sua pasta roxa em cima da cama. Ainda na porta, voltou a realidade: meias no chão, papéis de chiclete espalhados por cima de sua escrivaninha, deveres acumulados, lotando seu quadro de avisos, roupas por cima da cama, que, ainda revirada de uma noite mal-dormida, dava sinais de que não havia sido arrumada há dias. Ele congelou por um momento, hesitou em entrar no seu quarto e foi ao banheiro, notando suas olheiras enormes e arroxeadas. Reparara, então, que não dormia direito havia dias, coisa nem um pouco normal. Notou que não postava havia dias no seu blog, que não entrava havia dias no twitter, que não cutucava ninguém havia dias no Facebook, que não fazia nada além de ler tirinhas na Internet. Foi para o banho e hidratou o cabelo. Secou e fez um baby liss, arrumou o quarto, cutucou todos seus amigos no Facebook, menos Alfredo, que ela mal conhece, postou um tweet pedindo desculpas, postou no seu blog sobre seus dias como zumbi, comprou mais chicletes para seu estoque, fez os deveres e foi ao shopping. Finalmente, de volta à vida normal e chata.

Nenhum comentário:

Postar um comentário