quinta-feira, 14 de julho de 2011

Motivos?

Motivos não faltam. Eles só brotam, não morrem. E não tem ideia do que aconteceu. E não tem ideia do que fez. Não tem ideia de nada. Nunca sbe de nada efetivamente. E não sabe do que vai acontecer. Na verdade, nem eu sei, mas eu não me importo. O que eu me importo é o que não vai acontecer. Nunca mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário